Folder

43º CAMPEONATO INTERCLUBES – 2018

Standard – Classes A, B e C

Realização: FEXERJ – FEDERAÇÃO DE XADREZ DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO
Apoio: TTC – Tijuca Tênis Clube
Direção: Karina Abrahim ([email protected])
Arbitragem: Árbitro principal: IA Marcelo Einhorn ([email protected]) e auxiliares
Objetivos:
  • Desenvolver a prática do xadrez no Estado do Rio de Janeiro;
  • Promover a movimentação do Rating FEXERJ;
  • Incrementar o intercâmbio entre os clubes filiados;
  • Apontar os Campeões Estaduais de cada classe e o Campeão Geral Interclubes;
  • Contribuir para o cálculo da Taça Eficiência (Art. 38, I do RGCO);
  • Contribuir para o Troféu Destaque (Art. 40 c/c Art. 38, I do RGCO).
Data: 13 e 14 de outubro de 2018.
Local: Salão Nobre do Tijuca Tênis Clube – R. Conde de Bonfim, 451 – Tijuca, Rio de Janeiro – RJ, CEP: 20520-054 (entrada pela portaria lateral, R. Abelardo Chacrinha Barbosa, do estacionamento do Rabicho da Tijuca).
Como chegar: Metrô: Saltar na estação Saens Peña.

Ônibus: Linhas que passam no clube: 213, 217, 220, 226, 229, 301, 302, 345, 415, 423A, 427A, 601.

Estacionamento: Para quem vem de carro, sugere-se utilizar o estacionamento do Rabicho da Tijuca (Estapar).

Mapa da região:

Taxa de inscrição:

Cada clube REGULARMENTE EM DIA COM SUAS OBRIGAÇÕES FINANCEIRAS terá direito a uma equipe gratuita (de qualquer classe). Cada equipe extra ou de clubes inadimplentes terá o custo de R$100,00.

Terão desconto de 50% as equipes extras formadas exclusivamente por jogadores menores de 18 anos, com 60 anos ou mais, ou PCD.

Prazo para inscrição: 08.10.2018 às 18h, não sendo aceitos pedidos de inclusão ou alteração das equipes, depois do encerramento do prazo.
Como se inscrever:

Os formulários de inscrição (Anexo I) deverão ser enviados para os e-mails [email protected] e [email protected].

Os depósitos relativos aos valores de inscrição de equipes deverão ser efetuados na conta corrente da FEXERJ:

Banco: 001-Banco do Brasil
Agência: 3010-4
Conta: 002107-5
CNPJ: 29.511.789/0001-27

Os comprovantes de pagamento deverão ser enviados para o e-mail [email protected], com identificação do depositante.

Deverá ser utilizado um formulário de inscrição para cada equipe, no qual constará a relação dos participantes (titulares e reservas) e o nome do respectivo capitão. Cada atleta participante poderá integrar apenas uma equipe do clube ao qual está filiado. Os formulários deverão ser assinados, unicamente, pelo representante legal de cada clube.

O capitão deve ser maior de 18 anos e não precisa ser um dos jogadores e nem estar regularmente filiado ao clube que representa, porém não pode estar filiado a outro clube. O capitão poderá exercer essa função em mais de uma equipe desde que essas equipes pertençam à mesma classe. Não será permitido, por exemplo, que uma pessoa seja capitão de uma equipe da Classe A e de uma outra da Classe C.

As equipes do mesmo clube serão numeradas de acordo com o rating médio da equipe, que será calculado levando-se em conta os ratings dos 4 jogadores mais fortes da equipe.

Composição das Equipes:

Os participantes terão que constar OBRIGATORIAMENTE da lista de Rating FEXERJ de 13.09.2018, e deverão estar devidamente vinculados ao clube que representam.

Cada equipe será composta de no mínimo 4 titulares e até 2 reservas, sendo permitida, para as classes A e B, a inscrição de atletas com rating, no máximo 100 (cem) pontos abaixo do rating mínimo da respectiva classe, desde que com a inclusão dos jogadores, a média de rating dos 4 jogadores mais fortes permaneça dentro da faixa de rating da classe.

Sistema: Suíço em 6 rodadas ou Schuring (se menos de 7 equipes inscritas) pelo Swiss Manager.

OBS: Duas equipes do mesmo clube não devem ser emparceiradas entre si na última rodada pelo Sistema Suíço, exceto se não houver outro emparceiramento possível (não restar outro adversário a alguma delas).

Tempo de reflexão:

Classe A – 30 min + 30s de bônus desde o 1º lance para cada jogador.

Classe B e C – 1:00h em FA para cada jogador.

Programação:
Congresso Técnico: 13.10.2018 12:00h
1ª rodada: 13.10.2018 13:00h
2ª rodada: 13.10.2018 15:30h
3ª rodada: 13.10.2018 18:00h
4ª rodada: 14.10.2018 09:30h
5ª rodada: 14.10.2018 13:00h
6ª rodada: 14.10.2018 15:30h
Encerramento: 14.10.2018 18:00h

OBS: As súmulas de emparceiramento estarão disponíveis, nas mesas, 10 minutos antes de cada rodada.

Tolerância: A tolerância será de 30 minutos após o o árbitro principal anunciar o início da rodada.
Material:

O fornecimento do material esportivo (peças e relógios) é da responsabilidade dos competidores. Cada equipe tem que fornecer o material nas mesas designadas para jogar de brancas. Na Classe A, TODOS os relógios deverão ser digitais com possibilidade de configurar o acréscimo de bônus. A FEXERJ proverá os tabuleiros, mesas, cadeiras e planilhas.

O tempo de atraso por falta de material será descontado do tempo de reflexão nestas mesas e acarretará na perda do ponto depois do horário de tolerância, descontado atraso eventual pela escalação da equipe.

Escalação:

A escalação das equipes tem que ser feita obrigatoriamente em ordem decrescente de Rating FEXERJ de seus integrantes.
Jogadores de mesmo rating podem alternar a ordem de escalação entre si durante a competição. Jogadores “unrated” na Classe C equivalem a 1000, mas devem ser escalados abaixo de todos os jogadores “rated”.

Se o capitão da equipe não puder comparecer a alguma das rodadas, a súmula deverá ser assinada por alguém maior de 18 anos, não filiado a outro clube, e que será considerado o responsável para aquela rodada.

O tempo de atraso no preenchimento completo da súmula com a escalação definitiva da equipe e assinatura do capitão será descontado do tempo de reflexão de toda a equipe. Após a entrega da súmula, que não poderá ser retificada, o árbitro anotará o tempo de cada equipe a ser descontado e só então serão iniciadas depois do ajuste dos relógios pelo árbitro. Tabuleiros vazios poderão ser riscados (conta como WO).

A correta escalação da equipe é de responsabilidade do capitão. Um erro na escalação acarretará a perda do ponto nos tabuleiros prejudicados, se confirmado pelo árbitro, antes que a partida termine de outra forma.

Capitão da Equipe:

As principais atribuições do Capitão da Equipe são: o preenchimento das súmulas com a escalação antes de iniciar as partidas (caso a escalação não esteja preenchida e assinada antes do início da rodada, o tempo desta equipe será descontado); preenchimento e verificação e assinatura dos resultados de cada tabuleiro após o final das partidas; responder pela equipe nos casos solicitados pelo árbitro.

O Capitão da equipe deverá permanecer no local de jogo até que todas as partidas de sua equipe tenham terminado. Todos os jogadores, exceto o Capitão, deverão se retirar do local de jogo em até 5 minutos depois de terminado a sua partida.

O Capitão pode ser consultado por um jogador de sua equipe, se este pode aceitar uma oferta de empate. A sua resposta deve ser somente “sim” ou “não”, não devendo dar nenhuma informação sobre a posição no tabuleiro de xadrez e/ou os tempos nos relógios, nem consultar qualquer outra pessoa sobre o estado do jogo e deve abster-se de qualquer intervenção durante o jogo. Embora a consulta tenha sido feita ao Capitão, o jogador não está absolutamente obrigado a aceitar a posição do Capitão. O Capitão não pode agir em nome de um jogador em seu jogo em nenhuma hipótese. O jogador deve ter a palavra final sobre a condução de seu próprio jogo.

Caso o Capitão não esteja jogando, este deve sempre ficar atrás de seus jogadores durante a rodada, evitar qualquer contato visual prolongado e, de forma alguma, pode passar para o lado da equipe adversária.

Pontuação:

Os resultados serão conferidos pelo “Ponto Global” (2, 1, 0).

Emparceirada pelo Sistema Suíço, a equipe BYE receberá 2,000 pontos, devendo apresentar súmula assinada pela equipe completa dentro do tempo regulamentar para obter os pontos centesimais

A equipe que perder por WO (incluindo BYE) nos 4 tabuleiros será sumariamente excluída da competição. A equipe que apresenta um único competidor (incluindo BYE) numa rodada será emparceirada na rodada seguinte, mas será eliminada em caso de repetição desta condição numa das rodadas subsequentes.

Critérios de desempate:

Serão utilizados os seguintes critérios de desempate:

  1. Pontos parciais (1)
  2. Confronto Direto (14);
  3. Buchholz corrigido global com corte do pior resultado (17);
  4. Buchholz corrigido global total (17);
  5. Sonnenborn-Berger Global (7);
  6. Desempate por ordem decrescente de tabuleiro (1º, 2º, 3º e 4º).

No caso do sistema Schuring, não serão usados os itens “c” e “d”.

Premiação:

Serão entregues Troféus para as 3 primeiras equipes colocadas em cada classe e medalhas para os seus participantes (titulares e reservas).

Serão entregues ainda, medalhas para o melhor desempenho geral de cada tabuleiro de cada classe, a ser apurado pelo software Swiss Manager.

Para se habilitar a disputar o Troféu Interclubes Geral, é requerido que o clube coloque, no mínimo, uma equipe em cada classe (A, B e C). Além disso, pelo menos uma equipe do clube, em todas as classes, deverá finalizar o torneio, sem que haja dispensa ou exclusão durante o mesmo (Art. 23 do RGCO).

Para cada classe, serão atribuídos ao clube, os pontos obtidos de acordo com a colocação da sua equipe de melhor desempenho: 1º lugar = 1 ponto; 2º lugar = 2 pontos; 3º lugar = 3 pontos; e assim sucessivamente, formando-se 3 coeficientes (A, B e C) para cada clube.

O Campeão Geral do Interclubes será o clube que obtiver a MENOR SOMA dos três coeficientes.

Em caso de empate, prevalece sequencialmente, a melhor colocação absoluta obtida, independente da classe. O título e o troféu correspondente não serão considerados quando nenhuma associação atingir os requisitos.

Sanções Disciplinares:

Infrações disciplinares contra determinações deste regulamento ou por atitudes não condizentes com a prática desportiva poderão ser punidas conforme abaixo (Art. 12.9 das Leis) sem prejuízo às consequências individuais ou por equipe para o emparceiramento:

  1. Advertência formal;
  2. Acréscimo de tempo para o adversário ou para a equipe adversária;
  3. Perda do ponto da partida ou de até todas as partidas do match;
  4. Suspensão por um match de um ou mais jogadores de uma equipe;
  5. Exclusão de um jogador ou de uma equipe;
  6. Exclusão de um clube (todas as equipes).
Recursos:

Recursos contra decisões da arbitragem deverão ser feitos por escrito até o término da rodada, assinados pelo responsável pela equipe e dirigidos ao Conselho de Árbitros, acompanhada de taxa de R$200,00 (duzentos reais), que serão devolvidos em caso de aceitação do recurso. Não serão aceitos recursos contra decisão da arbitragem quanto ao Final Acelerado (Diretriz III das Leis).

Observações:

O porte de telefone celular ou outros meios eletrônicos de comunicação no local de jogos, só é permitido em sacolas e mochilas, completamente desligado e fora da roupa. Se qualquer dispositivo produzir um som, o jogador perderá a partida.

Somente será permitida filmagem durante os 10 minutos iniciais de cada rodada.

Não será permitida a permanência de assistentes e jogadores após o término das partidas no salão de jogos. Somente será permitida a permanência dos capitães de equipes e dos responsáveis legais de cada clube. O não cumprimento desta determinação poderá ocasionar sanções disciplinares, descritas acima.

Os casos omissos serão resolvidos pela arbitragem e pela direção do evento.

Uso de imagem:

Os participantes e o público autorizam e cedem o direito de uso de seu nome, voz e imagem para a utilização em toda a mídia impressa e eletrônica para a divulgação sem nenhum ônus e por prazo indeterminado.


Clique para fazer o download do Anexo I (ficha de inscrição)


#NovaFEXERJ

#EuNaFEXERJ

#EuJogoXadrez